quinta-feira, 23 de novembro de 2017

|| Alguma coisa eu fiz bem

O meu filho Gabriel sabia que eu ia à televisão falar sobre um assunto sério, mas eu não lhe disse qual. Achei que era too much para uma criança de 8 anos, por lhe faltar o entendimento necessário para ouvir cada palavra que proferi naquela entrevista sobre o pós-parto dele.
Insistiu imenso para ver a entrevista na televisão, e, sem eu saber muito bem como, sentei-me com ele e expliquei-lhe que conversa foi aquela que tive com a Fátima Lopes:

- Filho, a mãe foi falar sobre aquilo que senti quando tu nasceste. A mãe não gostou logo de ti, por medo.
- De quê?
- Medo de não saber cuidar de ti, eu sentia-me muito cansada depois de nasceres, a mãe sentia-se sozinha, não tive muita ajuda, tinha que cuidar de ti e fazer tudo em casa, sozinha. Além disso, eu tinha medo de estar sozinha contigo, tinha medo de te pegar ao colo, de te deixar cair, eu sentia que não era boa mãe para ti e isso magoou-me, fez-me ficar muito triste. Eu chorava muito, andava sempre cansada e irritada, e não te pegava ao colo.
- Mãe, mas podias ter pegado em mim em cima da cama, se eu caísse não me magoava.
- Eu sei filho, e muitas vezes aconcheguei-te deitada na cama, mas doía-me tanto, tinha medo de sem querer sufocar-te, medo de te dar de mamar porque me doía muito as mamas. E a mãe foi à televisão falar sobre isso porque há outras mulheres que estão neste momento a sentir o mesmo, sentem-se tristes e com medo e é importante que elas saibam que não faz mal elas dizerem que têm medo, que ainda assim podem ficar bem e serem boas mães. Eu achava que tu nunca irias gostar de mim por eu ter demorado a perder o medo.
- Oh mãe... Eu sei que tu gostas de mim e tu és boa mãe. E podes ter a certeza absoluta que eu e o Mateus gostamos muito de ti.

E com isto, fiquei eu também com a certeza absoluta de que alguma coisa eu fiz bem durante estes anos. Eu sei que nunca vou recuperar o tempo que perdi enquanto estive doente e menos disponível para o meu filho, mas tenho a certeza de que tenho feito um bom trabalho, inclusive fazê-lo feliz.


Ps. Podem ver a entrevista na íntegra aqui.

4 comentários:

  1. Vou ver a entrevista,...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  2. Que filho tão querido!!
    Graças, passou e hoje podes curtir!

    Bjoooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  3. Fui ver a entrevista e acredito que tenha sido difícil para ti explicar ao teu filho mas a resposta dele é puro amor. Parabéns por teres educado tão bem essa criança =)

    ResponderEliminar